Sobre


O trabalho combina cultura digital, estudos de cidades, urbanismo, ativismo e intervenção urbana. Consiste em mapear a cidade de São Paulo em uma plataforma digital alimentada pelas experiências de diferentes grupos sociais: mulheres e meninas, pessoas com deficiência, população LGBTQ e imigrantes e refugiados. Os colaboradores também podem se identificar como brancos ou não-brancos e por faixa etária.

Aqui estão registradas e georeferenciadas contribuições individuais, narrativas sobre vivências no espaço público nas categorias: conforto/segurança, perigo/desconforto, histórico/factual ou ponto de referência. Os colaboradores poderão enviar mídias como textos, fotografias, áudio e vídeo. A plataforma é uma interface composta de mapa e blog/narrativas e permite conexão entre colaboradores  e suas experiências na cidade.

 

Parceria

Apoio